Pular para o conteúdo
Search

CELEBRAÇÃO – Sesau participa de evento nacional de combate à malária

O encontro que está acontecendo no Instituto Evandro Chagas é de grande importância para nós de Roraima, porque através dessa reunião, nós conseguiremos demonstrar para os técnicos as nossas necessidades

Em alusão ao Dia Mundial de Luta contra a Malária, a CGVS (Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde), da Sesau (Secretaria de Saúde) de Roraima, participou na manhã desta terça-feira, 25, do evento promovido pelo Ministério da Saúde.

Com o tema “O Combate à Malária Acontece com a Participação de Todos”, o evento está sendo realizado na cidade de Belém (PA), tendo como foco relembrar os avanços que o Brasil teve no controle da doença

Além de gestores e profissionais da saúde, a iniciativa também contou com a presença de representantes da sociedade civil. O Estado de Roraima foi representado pelo Núcleo de Controle da Malária, Gerson Castro.

“O encontro que está acontecendo no Instituto Evandro Chagas é de grande importância para nós de Roraima, porque através dessa reunião, nós conseguiremos demonstrar para os técnicos as nossas necessidades, a fim de atingir os objetivos propostos pelo Ministério da Saúde”, disse.

COMBATE NO ESTADO

De acordo com o NCM (Núcleo de Controle da Malária), Roraima teve 25.654 casos de malária em 2022, uma redução de 1,35% comparado ao ano anterior, quando o Estado registrou 26.004 casos. A incidência maior foi registrada nos municípios que contemplam a Terra Yanomami (Caracaraí, Iracema, Mucajaí, Alto Alegre e Amajari).

Segundo Castro, o controle da malária em Roraima consiste na adoção do diagnóstico precoce e pronto tratamento dos casos, planejamento e implementação de medidas seletivas e sustentáveis de controle, ajustados às características particulares da transmissão existentes em cada localidade.

Além disso, detecção oportuna e prevenção de epidemias, monitoramento regular da situação da malária, em particular os seus determinantes ecológicos, sociais e econômicos.

Todos os municípios de Roraima possuem uma equipe multiprofissional, veículos (carros e motos) combustíveis, bombas para borrifação, bomba para nebulização, inseticidas, mosquiteiros impregnados, medicamentos antimaláricos, teste rápido e uma rede de laboratórios de malária para combater essa doença.

“Houve um comprometimento da Gerência Nacional [durante o encontro] para que os desafios sejam alcançados, e assim, colocar recursos para a aquisição de equipamentos para fazer com que aumente a nossa rede de laboratórios”, completou.

Fonte: SECOM RORAIMA